sexta-feira, 10 de maio de 2013

Residencial: Escola que custou 1 milhão corre risco de ceder

Escola é a única construída até agora no Residencial Santana do Mundaú


Escola Denilma Bulhões [ARQUIVO]

As obras da Reconstrução continuam sendo alvo de críticas em Santana do Mundaú. Desta vez, o problema se encontra na Escola Denilma Vilar Bulhões de Barros, construída no Residencial Santana do Mundaú.

Com as poucas chuvas que caíram na região, a obra do Governo Federal que custou R$ 988.458,15 corre o risco de desabar. A Escola, que conta com 6 salas de aula e única do Residencial, está cercada por erosões.

Foto de internauta mostra situação de Escola (Foto: Palloma Avelino)

Cratera por trás de Escola (Foto: Solange Freire)
Os moradores questionam o valor da obra e criticam o engenheiro responsável. 

A MCV Componentes Plásticos é a responsável pela obra que faz parte do Programa da Reconstrução. 

Não entendo como um profissional que passou 5 anos estudando e tem a cara de pau de assinar um projeto desse que qualquer pessoa com senso comum consegue ver que não vai dá certo” disse um internauta na rede social Facebook.


A Escola Denilma Bulhões funcionava no Conjunto Habitacional Arnon de Mello e foi destruída pela enchente de 2010. Atualmente funciona em um prédio de madeira na Avenida Maria Pereira Maia.

MAIS FOTOS

Foto mostra Escola em fase de construção [Foto: ASCOM - Prefeitura]
Escola está cerca de erosões (Foto: Solange Freire)
Placa mostra valor de obra


Por: Thiago Aquino / Mundaú Notícias
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queridos internautas, não aceitamos em hipótese alguma comentários que ofendam a moral de ninguém, pois o portal é um espaço de informação e comunicação, a nós cabe apenas informar de um jeito honesto e igualitário para todos, obrigado pela compreensão!
Após escrever seu comentário, na opção "Comentar como:" escolha a opção NOME/URL para facilitar. Preencha só o campo NOME, escrevendo seu nome. Agradecemos o comentário!