domingo, 25 de setembro de 2011

Bíblia: Palavra de Deus




Todo mês de setembro, mês consagrado à Bíblia, na Igreja, somos conduzimos a pensar mais, a refletir com maior intensidade sobre a importância da Palavra de Deus para nós cristãos. Palavra “viva e efcaz” (Hb 4,12), fortalecedora, revigoradora e cheia de esperança para o coração humano, marcado pelas noites traiçoeiras da vida.

Essa Palavra impressionou um homem chamado Jerônimo, São Jerônimo, homem amigo da Palavra, “é contado entre os maiores doutores da Igreja dos primeiros séculos. De cultura enciclopédica, foi escritor, filósofo, teólogo, retórico, gramático, dialético, historiador, exegeta e doutor nas Sagradas Escrituras”. Soube, com muita eficácia e espírito cristão, “perder tempo” com o estudo e tradução da Escritura santa. Consagrou a sua vida, vida austera, debruçando-se sobre a Palavra divina.

Por isso, com muita propriedade, podemos afirmar que Jerônimo fez da Palavra de Deus a grande motivação para o seu ministério, para o seu sacerdócio. Pois, por meio d'Ela encontrou Aquele que dá sentido às nossas vidas, Cristo Jesus. Daí deixar escrito: “Cristo é o poder de Deus e a sabedoria de Deus, e quem ignora as Escrituras ignora o poder e a sabedoria de Deus; portanto ignorar as Escrituras Sagradas é ignorar a Cristo”.

A partir da expressão do Santo das Escrituras, São Jerônimo, somente quem é capaz de fazer uma experiência profunda com a Escritura Sagrada,  é, por consequência, capaz de ver Cristo, de perceber Cristo, de encontrar-se com Cristo. Pois a Sagrada Escritura, contida na Bíblia, o tempo todo e de diversas maneiras nos apontam para Cristo. Não há erro: ao abrirmos a Palavra de Deus, vamos, com convicta certeza, encontrar Nosso Senhor Jesus Cristo. Cristo é o centro de toda a Escritura.

Desse modo, nos admoesta Dei Verbum: “Toda verdade do mistério de Cristo deve ser perscrutada à luz da fé”. “A luz da fé” envolve também as Escrituras. Isto é, ao abrir a Bíblia não podemos perder de vista Cristo. Pois tudo aponta para Ele. Até mesmo o Antigo Testamento, que para muitos parece coisa do passado e sem valor, nos fala de Cristo por meio de prefigurações: Moisés, a serpente levanda no deserto, e tantas outras.

Assim, a Palavra de Deus, contida na Bíblia, de fato, ilumina a nossa vida, traz conforto, amparo e resposta às duvidas nossas, não poucas. “A Escritura é Palavra de Deus, pois foi escrita sob inspiração do Espírito”(DV). Ela, cheia mesmo do Espírito, é consolo, é um bálsamo perfeito para as nossas dores, dores da carne e da alma, dores da vida.

Portanto, que saiamos deste mesmo de setembro, que já se finda, mais amigos de Deus, de Sua Palavra. E que aprendamos com São Jerônimo a dedicar tempo, a estar bem mais próximo da Palavra que gera e dá vida. Por isso, rezemos com a Igreja: “Ó Deus, que deste ao presbítero São Jerônimo profundo amor pela Sagrada Escritura, concedei ao vosso povo alimentar-se cada vez mais da vossa Palavra e nela encontrar a fonte da vida. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo”. 

Por: Padre Valmir Galdino / Colaboração

Seja também nosso colaborador! envie seu texto para: mundaunoticias@hotmail.com E ele será publicado aqui!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queridos internautas, não aceitamos em hipótese alguma comentários que ofendam a moral de ninguém, pois o portal é um espaço de informação e comunicação, a nós cabe apenas informar de um jeito honesto e igualitário para todos, obrigado pela compreensão!
Após escrever seu comentário, na opção "Comentar como:" escolha a opção NOME/URL para facilitar. Preencha só o campo NOME, escrevendo seu nome. Agradecemos o comentário!