quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Consórcio pretende acabar com lixões em Alagoas

A Lei Federal de Resíduos Sólidos prevê formação de consórcios para cidades que não podem arcar sozinhas com aterros 

A formação de um consórcio para acabar com os lixões em Alagoas está em andamento. A iniciativa vai beneficiar 14 municípios com aterros sanitários. Previsto pela recente Lei Federal de Resíduos Sólidos, o consórcio vem para ajudar as cidades que não podem arcar sozinhas com a construção de um aterro como União dos Palmares.

Faz um ano que o diretor técnico do Instituto do Meio Ambiente (IMA), Gustavo Carvalho, visitou o município de União dos Palmares. Ele fez vistorias em três áreas escolhidas pela prefeitura para a construção de um aterro sanitário. Para definir o melhor local solicitou ao município um estudo, que segundo o diretor, até agora não foi enviado ao instituto.

O secretário de Meio ambiente de União dos Palmares, Manoel Bernardo, disse que o estudo foi iniciado, mas foi interrompido ao verificar que o município não teria recursos para arcar com a construção e a manutenção de um aterro.

Já que os municípios de pequeno porte, a exemplo de União dos Palmares, não podem bancar sozinhos a construção de aterros sanitários, a Lei Federal de Resíduos Sólidos prevê a formação de consórcios.

A idéia é que municípios da mesma região depositem seus resíduos no mesmo aterro. A iniciativa vai acabar aos poucos com os lixões e capacitar os catadores de lixo. Eles vão continuar participando de todo o processo, porém de maneira mais organizada, por meio de cooperativas.

Nas regiões do Vale do Mundaú e do Vale do Paraíba, serão construídos dois aterros sanitários para atender os municípios de Murici, União dos Palmares, Branquinha, São José da Laje, Ibateguara, Santana do Mundaú, Cajueiro, Capela, Atalaia, Viçosa, Paulo Jacinto, Chã Preta, Pindoba e Mar Vermelho.

Por: Gazetaweb.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Queridos internautas, não aceitamos em hipótese alguma comentários que ofendam a moral de ninguém, pois o portal é um espaço de informação e comunicação, a nós cabe apenas informar de um jeito honesto e igualitário para todos, obrigado pela compreensão!
Após escrever seu comentário, na opção "Comentar como:" escolha a opção NOME/URL para facilitar. Preencha só o campo NOME, escrevendo seu nome. Agradecemos o comentário!